Regulamento Geral de Protecção de Dados (RGPD)

Caro(a) Amigo(a),

De acordo com o novo Regulamento Geral de Protecção de Dados (RGPD) a entrar em vigor no dia 25 de Maio, os destinatários das comunicações da APEVT podem, a qualquer momento, alterar ou eliminar os dados que partilham connosco.

A nossa plataforma de envio de e-mails e informações sobre as nossas actividades/eventos permite, no final de cada mensagem, a remoção da nossa base de dados, através do botão com a frase: REMOVER O MEU CONTACTO.

Se pretender alterar o e-mail ou qualquer outro dado ou a eliminação definitiva dos seus dados da nossa plataforma, conforme previsto no RGPD, contacte-nos através do e-mail info@apevt.pt, indicando no campo do assunto “Alteração de E-mail” ou “Eliminação Definitiva”.

Utilizamos os dados dos nossos subscritores ou associados apenas para envio de informação sobre as actividades da Associação Nacional de Professores de Educação Visual e Tecnológica e em nenhum momento os facultaremos a terceiros. A privacidade e a segurança dos seus dados são muito importantes para nós, que embora seja já a nossa prática, afirmamos aqui que continuaremos a honrar a nossa política de proteção de dados dos nossos associados e seguidores.

Com os melhores cumprimentos,

A direção da APEVT

Eleição de novos orgãos sociais APEVT

Decorreu ontem, 14 de abril, o Encontro Nacional da APEVT, onde foram debatidas temáticas de grande importância para o atual momento que se vive no campo da educação em Portugal. O encontro foi ainda espaço para  o ato eleitoral para os novos orgãos sociais da APEVT para os próximos três anos. Parabéns à nova equipa e votos de bom trabalho.

Direção:

Presidente: Carlos Alberto de Sousa Gomes
Vice-presidente: Rui Manuel Antunes Rodrigues
Tesoureira: Maria Manuela Bigote PIna
Secretária: Iva Mónica da Costa Neves
Vogal: Sónia Paula Marques Santos

Suplentes: Sofia Arlete Pereira e Carla Pereira

Mesa a Assembleia Geral:

Presidente: Joaquim Lopes Nogueira
Vice-Presidente: António José Coimbra Simões
Secretário: Carlos Miguel Boazinha Charrua

Conselho Fiscal:

Presidente: Armando Matias Faleiro
Secretária: Amaro Jorge Borda D’Água C. Fernandes
Secretário: Tiago José Espada Bacalhau

 

Delegação Regional da Madeira:

Presidente: João Bartolomeu de Gouveia Baptista
Secretária:  Maria Adriana Xavier Fernandes
Tesoureiro: André de Jesus Silva

Direção Regional dos Açores:

Presidente: Sérgio filipe Duarte da Silva
Secretária:  Maria de Fátima Costa
Tesoureiro: Filipa Cristina Sousa Alves

Plano de Atividades – Triénio 2018/2021

PREÂMBULO

A Associação Nacional de Professores de Educação Visual e Tecnológica, doravante designada por APEVT, tem como finalidade o estudo e investigação do ensino nas áreas artísticas e tecnológicas, suas pedagogias e didáticas, com vista à promoção dos professores destas áreas educativas, que se identifiquem com os seus princípios e objetivos, reconhecendo o património de reflexão e capacidade de intervenção na concretização e defesa da qualidade e importância das aprendizagens fundadas numa cultura artística e cientifica de base humanista.

(Ver mais em Institucional |Plano de atividades)

 

INSCRIÇÕES ENCONTRO NACIONAL APEVT

Como é do conhecimento de todos, no próximo dia 14 de abril, irá ter lugar o Encontro Nacional APEVT 2018. O programa pode ser consultado na nossa página. As inscrições são grátis para os associados APEVT, para professores do agrupamento onde se realiza o encontro  (Escola Garcia de Orta, Porto) e para formandos do Centro de Formação APEVT, para outros, tem o custo simbólico de 5€. Este encontro está credenciado como ACD. Para fazer inscrição, basta seguir as indicações do QR CODE, ou visitar a nossa página na internet ou no facebook.

É já amanhã. Conferência Nacional, dia do perfil.

CONFERÊNCIA NACIONAL

Assista em direto, no dia 15 de janeiro, a partir das 09h45.

O Ministério da Educação, em colaboração com a Federação Nacional de Associações de Estudantes dos Ensinos Básico e Secundário, desafia todas as escolas a participarem, no dia 15 de janeiro de 2018, num amplo debate nacional com o objetivo de refletir sobre como organizar a escola e o ensino, com vista à concretização do Perfil dos Alunos no Final da Escolaridade Obrigatória.

O Perfil dos Alunos, homologado pelo Despacho n.º 6478/2017, de 26 de julho, configura o que se pretende que os jovens alcancem no final da escolaridade obrigatória, sendo, para tal, determinante o compromisso da escola e de todos os que lá trabalham, das famílias e encarregados de educação, dos decisores políticos e da sociedade em geral. Neste sentido, julga-se oportuno e importante desenvolver uma iniciativa que promova a apropriação deste documento por todos aqueles que, de uma forma ou outra, têm intervenção na educação dos jovens portugueses e a reflexão focada em soluções concretas de organização da escola e do ensino, que visem a consecução do Perfil dos Alunos.

Neste dia 15 de janeiro realizar-se-á uma Conferência Nacional em Lisboa e, em simultâneo, as escolas associam-se localmente, num movimento que se pretende de âmbito nacional. A ideia é que, por um dia, as escolas suspendam a sua rotina diária e possam acompanhar a Conferência Nacional, em direto, via internet, organizar Conferências Locais e desenvolver outras atividades.

As escolas deverão inscrever-se nesta iniciativa no site do evento, onde também se disponibiliza o Programa, sugestões de atividades e documentos de apoio.

 

 

Mais informação aqui.

O ensino artístico democratizado da nossa escola pública.

 

De vez em quando, os meios de comunicação social apontam os holofotes noticiosos para as artes, nomeadamente para as áreas artísticas lecionada na escola pública. Apesar de ser melhor ser falado do que passar ao esquecimento, temos de fazer uma crítica a este trabalho jornalístico. Falar de ensino artístico em Portugal é muito mais do que falar apenas do pré-escolar ou do primeiro ciclo do EB. Como referenciado na mesma reportagem, a escolaridade obrigatória de 12 anos exige um maior rigor na informação, bem como uma amostragem maior e mais diversificada de experiências e vivências das nossas escolas, da envolvência dos alunos, professores, mas também na discussão sobre a formação inicial, na forma como os órgãos decisores de políticas educativas compreendem a lecionação artística, na formação contínua de professores no território e até nas ofertas aos cidadãos pelo estado como facilitador de cultura ou mesmo a desigualdade entre pequenos e grandes centros populacionais e o acesso que lhes é facultado às artes como fruição ou como área de interesse de estudo. Não, o nosso território e as pessoas que nele habitam não têm um acesso democrático à cultura e às artes. O estado falha num direito constitucional ao cidadão, o direito ao acesso igual à cultura. Mesmo assim, vemos como positivo o acesso à informação e a divulgação de bons exemplos e de práticas escolares, que ao invés de serem a exceção, deveriam ser a normalidade.

Ver aqui a reportagem

Que opinião temos sobre a utilização/reutilização de manuais escolares??

No âmbito de um estudo solicitado pelo Ministério da Educação e Ministério da Economia, pretende-se com este questionário conhecer a experiência dos professores relativamente ao processo de adoção de manuais escolares e reutilização dos mesmos. O questionário é anónimo e toda a informação será exclusivamente tratada pela equipa de trabalho, permanecendo confidencial face a todas as entidades externas a esta.

As suas respostas, que muito agradecemos, são fundamentais.

Pode responder aqui:

https://novasbe.az1.qualtrics.com/jfe/form/SV_3WY4sol6n8GKyl7

Obrigado.

NOESIS – Notícias da Educação

Está já disponível o boletim de educação NOESIS do mês de outubro. Trata-se de uma publicação com o objetivo de partilhar e valorizar o que acontece na área da educação em Portugal, este Boletim oferece, mensalmente, uma seleção de notícias sobre eventos, iniciativas e projetos, legislação, publicações e estudos do que de mais relevante se faz neste domínio.

O boletim poderá ser subscrito através de mensagem de correio eletrónico enviada para boletimdge@dge.mec.pt.

Aceda ao último número aqui.

Números anteriores disponíveis em http://www.dge.mec.pt/boletim-noesis.